PENSO, LOGO, BLOGO!

Blog inserido no debate político e de fatos importantes do Município de Londrina (y otras cositas más), que pretende trazer a visão desta jornalista e cidadã londrinense. Lorena Pires Rostirolla (MTB/PR 2.943)

23 de mar de 2009

FORA DO AR

Devido a problemas técnicos com o meu computador estou sem poder atualizar o blog. Amanhã (24) o "PC" volta e eu volto a postar.

Um abraço aos amigos e amigas.

18 de mar de 2009

HOMENAGEM À MULHER

Foto de Luiz Jacobs - fotojornalista do Núcleo de Comunicação

Como convidada da Secretaria Municipal da Mulher, em uma parceria com a Secretaria de Cultura, fiz parte do segundo show "Elas" ( o primeiro foi realizado na sexta-feira - dia 6) realizado na última sexta-feira (13) dentro do projeto Sexta na Concha, na Concha Acústica.

Na foto eu (Lorena), Cleir (violão) - meu colega de trabalho no Núcleo de Comunicação na prefeitura - e Vagner (contrabaixo), irmão do Cleir.

Duas músicas - Pra não dizer que não falei das Flores, de Geraldo Vandré e O bêbado e a equilibrista, de João Bosco e Aldir Blanco - foram escolhidas para homenagear os 30 anos da Anistia (lei sancionada em 28 de agosto de 1979) que marcou o fim da ditadura militar no Brasil e o início da transição para a democracia que ainda estamos construindo. A intenção foi marcar o retorno de companheiros e companheiras, muitos(as) exilados por 10 anos ou mais, expatriados(as) que tiveram seus direitos cassados e que ficaram, mais que longe do seu país, longe de suas famílias e de seus amigos.

Duas outras músicas - Vitoriosa, de Ivan Lins e Uma nova mulher, de Paulo Debétio e Paulinho Rezende - foram escolhidas por representar essa mulher guerreira, lutadora, que não se deixa abater, que não tem vergonha de ser feliz e mudar o rumo de sua história.

E pra fechar a noite, já que fomos os últimos a nos apresentar, cantamos Maria Maria. Aliás quero agradecer quem compareceu e cantou junto conosco as músicas. Quero agradecer também ao Cleir que topou o desafio (tivemos apenas dois ensaios) e o Vagner que, sem ensaio, nos acompanhou.

16 de mar de 2009

AGRADECIMENTO

O tio da menina Giovana Oliveira Bomba, o Wellington, enviou um comentário que faço questão de colocar como uma postagem. Mas quero lembrar que, apesar do agradecimento, podemos continuar procurando outros doadores para Giovana.

"Bom dia, Eu sou Wellington, tio da Giovana, agradeço pelo carinho e pela solidariedade com que todos têm transmitido e assim multiplicado cada vez mais as chances dela. Mas como Deus sempre está no comando e age através de tudo - olha que benção - recebemos uma noticia boa, acharam um doador compativel que foi notificado para comparecer ao banco de sangue, mas ainda não obtivemos um retorno que esta pessoa compareceu. Mas num mar de esperanças esse doador se torna um Sol para iluminar nossos caminhos. Continuamos aqui com muita fé que em breve estaremos postanto sua cura, um grande abraço a todos e que Deus sempre esteja com cada um de vos." (16/03/2009 07:44:00)

12 de mar de 2009

GIOVANA (URGENTE)


Na minha postagem anterior eu repassei uma postagem do Claudio Osti, do blog Paçoca com Cebola. Hoje, através de uma prima, recebi um email com mais informações sobre o drama da menina Giovana Oliveira Bomba e sua família. O sangue que ela precisa é raro e é importante que todos saibam que ele pode ser coletado em qualquer lugar desde que seja informado o destino e o nome de quem precisa da doação.

Abaixo coloco o texto feito pelo tio da menina explicando a situação. Os telefones para contato estão comigo e se alguém tiver alguma informação ou puder ajudar é só me enviar um email para lorys@sercomtel.com.br.

Amigos preciso muito da ajuda de todos.

Essa garotinha da foto é minha sobrinha, de apenas dois aninhos foi internada no Hospital Evangélico de Londrina, para tratamento de Leucemia Mielóide, muito rara para acontecer nessa idade, mas nem tudo é possivel de se evitar nesta vida. No momento solicitamos um doador de sangue, por se tratar de um sangue muito raro e apenas uma pessoa que não se encontra mais no brasil fez a doação, estamos desesperados a procura de um doador, motivo este que através da net nossa rede de amigos seja possivel alcançar alguem, ja que as doações podem ser feitas de qualquer lugar do Brasil.

A doação é rápida, gratuita e fornecem atestado médico para quem for doar. 

Peço aqueles que possam fazer essa doação, que compareçam a qualquer hospital que recolhe doações, e informe que é para a doação em nome de GIOVANA OLIVEIRA BOMBA / Para o Hospital Evangélico de Londrina / PR.

O sangue para doação é Tipo B + (positivo) feno Tipo "e" minúsculo ( - ) (negativo).

Àqueles que não tem o sangue compatível ou por qualquer outro motivo não possam doar, peços-lhes que orem porque ela tem dois irmãos e terá que se submeter ao transplante de medula. onde a compatibilidade é fundamental.

Por favor pessoal divulguem ao máximo de pessoas que puderem, ajudem uma menininha que está apenas começando a viver, mais com muita vontade de lutar. pois a um mes ja se iniciaram os tratamentos com quimioterapia.

Conto com quem puder colaborar!!!

Que Deus esteja com todos vocês, sempre.

Muito obrigado!

Wellington T. de Oliveira
Londrina/PR.

11 de mar de 2009

Doação de sangue B positivo (URGENTE)

Do blog Paçoca com Cebola:

Doação de sangue

Uma criança com leucemia, internanda no hospital Evangélico de Londrina, necessita com a máxima urgência de doador do tipo B positivo. Quem puder colaborar, vá ao Hemocentro da Rua Souza Naves - fica uma quadra depois da Santa Casa - , e informe o nome da criança: Giovanna Bomba.

IN FOCO MULHER

Na retomada de minhas postagens não poderia me furtar de tratar um tema tão importante quanto o do Dia Internacional da Mulher, lembrado todo dia 8 de março. E, neste ano especialmente, esta data só nos mostra que temos muito ainda a fazer quando, ao vermos uma menina de nove anos ser violentada pelo padastro e estar grávida de gêmeos, ficamos nos atendo ao debate hipócrita se deveria ou não ser feito o aborto.

De repente tudo deixa de ter importância.

O fato dela ter sido abusada sexualmente desde os seis anos de idade por um homem que tinha a confiança de sua mãe e que deveria agir como pai. Não tem importância.
O fato de ela ter sido obrigada a aceitar a condição e manter o silêncio. Não tem importância.
O fato de que o que aconteceu irá afetar o resto de sua existência. Não tem importância.
O fato de que ela corria risco de vida ao manter a gestação. Não tem importância.

Só tem importância o fato de que tentaram transformar um drama particular, resultado de um crime - do meu ponto de vista imperdoável, em bandeira de defesa contra o aborto.

É de morrer de rir... ou de chorar. O criminoso não foi excomungado porque seu crime "tem perdão". Mas a equipe médica e todos os envolvidos para a realização do aborto foram excomungados.

Na matéria "Arcebispo excomunga médicos e parentes de menina que fez aborto", divulgada no site da Globo, está o trecho abaixo:

...A reação do arcebispo foi imediata. Assim que soube que o aborto havia sido consumado, dom José Cardoso Sobrinho disse que a Igreja Católica considera que houve um crime e um ato inaceitável para a doutrina. E decidiu: todas as pessoas que participaram do aborto, com exceção da criança, estão excomungadas da Igreja.
 
“Para incorrer nessa penalidade eclesiástica, é preciso maioridade. A Igreja, então, é muito benévola, quer dizer, sobretudo, com os menores. Agora os adultos, quem aprovou, quem realizou esse abordo, incorreu na excomunhão. A Igreja não costuma comunicar isso. Agora, a gente espera que essa pessoa, em momentos de reflexão, não espere a hora da morte para se arrepender”, afirma...

Em nome de Deus o homem pensa ser dono da razão. Sim. O homem. Porque "dom" José Cardoso Sobrinho nada mais é que um homem. E assim como ele disse que as pessoas que excomungou não esperem a hora para se arrepender, que também assim com ele ocorra a mesma coisa.

Parabenizo a equipe médica e todos os envolvidos por sua decisão em favor da vida, aliás de toda a vida que ainda terá essa criança violentada não apenas em seu corpo, mas em sua pureza infantil, marcada por esse crime.

Ainda bem que já foi provado que nem sempre as decisões da igreja, são as decisões de Deus. Temos aí a história da inquisição e das guerras promovidas em seu Nome, entre outras coisas.

10 de mar de 2009

UTILIDADE

Bom, caros blogueiros(as), estive fora por dez dias e. por opção, sem acesso à Internet. Agora retorno e aproveito a postagem para esclarecer a dúvida de um amigo que me perguntou como poderia justificar o voto no dia 29 de março, caso estivesse fora de Londrina.

A informação, que busquei com um amigo, é simples:

Se qualquer eleitor(a) londrinense estiver fora da cidade no dia da eleição, no retorno deverá justificar o voto na Justiça Eleitoral. Claro que respeitando os prazos impostos pelo TSE para justificativas.