PENSO, LOGO, BLOGO!

Blog inserido no debate político e de fatos importantes do Município de Londrina (y otras cositas más), que pretende trazer a visão desta jornalista e cidadã londrinense. Lorena Pires Rostirolla (MTB/PR 2.943)

31 de ago de 2010

Texto de Pedro Lima

Assunto: "LULA" O MEU PRESIDENTE...

"E agora o que que eu vou fazer?
Será que podemos eleger um presidente por mais algumas décadas,
só pra dar mais uma "ajeitadinha" no Brasil
antes que alguém ferre com tudo?!
Bom, leiam.....

Pedro Lima

(Economista e Professor da UFRJ)

Lula, que não entende de sociologia,
levou 32 milhões de miseráveis e pobres
à condição de consumidores;
e que também não entende de economia;
pagou as contas de FHC,
zerou a dívida com o FMI e
ainda empresta algum aos ricos;

Lula, o analfabeto, que não entende de educação,

criou mais escolas e universidades que seus antecessores juntos
[14 universidades públicas e estendeu mais de 40 campi],
e ainda criou o PRÓ-UNI,
que leva o filho do pobre à universidade
[meio milhão de bolsa para pobres
em escolas particulares].

Lula, que não entende de finanças
nem de contas públicas,
elevou o salário mínimo de
64 para mais de 291 dólares [valores de
janeiro de 2010], e não quebrou a previdência como queria FHC.

Lula, que não entende de psicologia,
levantou o moral da nação e disse que o
Brasil está melhor que o mundo.
Embora o PIG-Partido da Imprensa Golpista, que entende de tudo, diga que não.

Lula, que não entende de engenharia,
nem de mecânica,
nem de nada,
reabilitou o Proálcool,
acreditou no biodiesel e levou o país
à liderança mundial de combustíveis renováveis
[maior programa de energia alternativa ao petróleo do planeta].
Lula, que não entende de política,
mudou os paradigmas mundiais e
colocou o Brasil na liderança
dos países emergentes,
passou a ser respeitado
e enterrou o G-8 [criou o G-20].

Lula, que não entende de política externa nem de
conciliação, pois foi sindicalista brucutu;
mandou às favas a ALCA, olhou para os parceiros do sul, especialmente para os vizinhos
da América Latina, onde exerce liderança absoluta sem ser imperialista.
Tem fácil trânsito junto a Chaves, Fidel, Obama, Evo etc.
Bobo que é, cedeu a tudo e a todos.

Lula, que não entende de
mulher nem de negro,
colocou o primeiro negro no Supremo
(desmoralizado por brancos) e
uma mulher no cargo de primeira ministra,
e que pode inclusive, fazê-la sua sucessora.

Lula, que não entende de etiqueta,
sentou ao lado da rainha (a convite dela)
e afrontou nossa fidalguia branca de lentes azuis.

Lula, que não entende de desenvolvimento,
nunca ouviu falar de Keynes, criou o PAC;
antes mesmo que o mundo inteiro dissesse que é
hora de o Estado investir;
hoje o PAC é um amortecedor da crise.
Lula, que não entende de crise,
mandou baixar o IPI e levou a
indústria automobilística a
bater recorde no trimestre
[como também na linha branca de eletrodomésticos].

Lula, que não entende de português
nem de outra língua, tem fluência entre
os líderes mundiais;
é respeitado e citado entre as pessoas mais poderosas e influentes no mundo atual
[o melhor do mundo para o Le Monde, Times, News Week, Financial Times e outros...].

Lula, que não entende de respeito a seus pares,
pois é um brucutu,
já tinha empatia e relação direta com George Bush -
notada até pela imprensa americana -
e agora tem a mesma empatia com Barack Obama.

Lula, que não entende nada de sindicato,
pois era apenas um agitador...
é amigo do tal John Sweeny
[presidente da AFL-CIO -
American Federation Labor-Central
Industrial Congres - a central de trabalhadores dos Estados Unidos,
que lá sim, é única...]
e entra na Casa Branca com credencial de
negociador e fala direto com o Tio Sam lá, nos "States".

Lula, que não entende de geografia,
pois não sabe interpretar um mapa
é autor da maior mudança geopolítica
das Américas na história.

Lula, que não entende nada de diplomacia internacional,
pois nunca estará preparado,
age com sabedoria em todas as frentes e se
torna interlocutor universal.

Lula, que não entende nada de história,
pois é apenas um locutor de bravatas;
faz história e será lembrado por um grande
legado, dentro e fora do Brasil.

Lula, que não entende nada de
conflitos armados nem de guerra,
pois é um pacifista ingênuo,
já é cotado pelos palestinos para
dialogar com Israel.
Lula, que não entende nada de nada...
é bem melhor que todos os outros...!

Pedro Lima *
Economista e professor de economia da UFRJ

OBSERVAÇÃO:

DESCULPEM-ME OS NÃO-LULAS MAS
COMO RECEBO MUITOS EMAILS IRONIZANDO E FALANDO HORRORES DELE
ACHO QUE TENHO O DIREITO DE ENVIAR
UM UNICO EMAIL QUE FALE BEM DESSE
MARAVILHOSO "ANALFABETO".

SAUDAÇÕES BRASILEIRAS!"

Relembrando

Reproduzi aqui o texto do Prof. Milton Zaminato, em 2006. Isso para não esquecer porque lutamos para continuar a mudar o Brasil com Dilma Roussef:

Texto de Milton Zaminato ( Prof. de Física da UNB)

"Acredito que somente uma pessoa que nada aprendeu, não muda suas opiniões.
Passei a vida toda lutando contra a Ditadura Militar e políticos da Arena; PDS; PFL; PSDB.
Vivi a era FHC e vi o país ser posto à venda.
Vi Mais de 100 empresas públicas serem "privatizadas", sem que o produto da venda tenha sido utilizado em favor do País.
Fiquei 08 anos sem nenhum centavo de reajuste salarial.
Vi colegas de trabalho, concursados, serem demitidos, através do malsinado RH 008.
Vi todo o processo de desmonte da Caixa para a privatização.
Vi dezenas e dezenas de CPIs serem abortadas a custa de muita grana.
Vi o Procurador Geral da União ser chamado de Engavetador Geral da União.
Vi a Polícia Federal de mãos amarradas.
Vi o FMI mandando e desmandando e os Governos dizendo amém.
Vi um país que gerou apenas 8 mil empregos mensais durante 08 longos anos.
Vi trabalhadores escravos.
Vi e vivi.
Participei de dezenas de passeatas.
Vi o "pensamento único" do PSDB calando jornais, rádios e tvs.
Vi o Banco Central "doando" milhões de dólares para os banqueiros falidos salvarem suas peles.
Vi milhares de micros e pequenas empresas fechando suas portas para dar lugar aos importados pela paridade do dólar.
Vi o escândalo do SIVAM.
Agora que o Brasil gera mais de 100 mil empregos mensais;
Que as indústrias batem recordes de produção;
Que o comércio bate recordes de venda;
Que o país bate recordes de exportações;
Que dispensamos a tutela do FMI;
Que o BB contrata milhares de novos empregados concursados;
Que estamos entrando em período de deflação;
Que 09 milhões de famílias são atendidas pelos programas sociais do Governo;
Que a agricultura familiar está tendo acesso ao crédito e de fato sendo valorizada;
Que as pequenas e micros empresas voltam a abrir portas;
Que a Polícia federal atua sem amarras e desbarata uma quadrilha atrás da outra, como nunca em toda a sua história;
Que a fiscalização da Receita Federal está fazendo as grandes empresas e bancos recolherem impostos (tanto que a Receita federal também bate recordes de arrecadação);
Que o Ministério do Trabalho fiscaliza as empresas (o FGTS também bate recordes históricos de arrecadação) e está erradicando o trabalho escravo no campo.
Agora vem alguém me pedir para ir às ruas contra LULA e o governo popular???!!!

Meu amigo: TÔ FORA!!!!!
Estou pronto para ir às ruas pedir investigação de quaisquer atos de corrupção praticados por quem quer que seja.
Que a Polícia Federal, o Ministério Público Federal e outras instituições sérias investiguem com total isenção, e que a Justiça puna exemplarmente todo aquele que tenha praticado irregularidade.
Fazer o jogo e servir de instrumento de pessoas como ACM, Bornhausen, FHC, Arthur Virgilio, Álvaro Dias, Jefersons da vida e outros, que todos sabemos bem quem são, JAMAIS!
É preciso conhecer para poder opinar.
Pensem sobre.
Até mais"
Ter o PSDB no Governo Federal representa voltar no tempo. Não no sentido nostálgico, mas no de regredir.

G1 divulga entrevista de Dilma Roussef


O portal G1 divulgou hoje a entrevista de Dilma Roussef no Jornal da Globo de ontem. Trechos como esse: "Eu acho que um governo é composto de políticos que tenham competência técnica. Vai prosseguir sempre... eu vou prosseguir nesse critério. Vou escolher políticos com competência técnica. Aliás, eu sempre conto uma história: acho que os técnicos são muito importantes, mas técnicos que não têm compromisso com o desenvolvimento do seu país, que não têm compromisso com a distribuição de renda do seu país, que não têm compromisso com a inclusão social do seu país, levam o país a situações muito precárias.", mostram o porquê de votar na Dilma.

Veja a entrevista na íntegra no portal G1.

Dorina não será esquecida.


Eu, que passei pela angústia de ter reduzida a minha capacidade visual que culminou com a urgência de realizar duas cirurgias de catarata neste mês, não posso deixar de homenagear aqueles e aquelas que lutam pela acessibilidade, qualidade de vida e inclusão social de pessoas portadoras de qualquer tipo de deficiência. Mesmo se não tivesse passado pela experiência faria questão de homenagera as pessoas que lutam por essa minoria tão discriminada e, muitas vezes, esquecida.

É a segunda vez que passo por momentos que me impuseram limitações físicas. Em 2000 sofri um acidente que me deixou de cadeira de rodas durante seis meses, andador cerca de quatro meses e muletas, mais seis meses, do qual ainda tenho sequelas e que me afastaram de minhas atividades por quase dois anos.

Por esse motivo posto aqui matéria sobre falecimento de uma das pioneiras na luta pela inclusão da pessoa com deficiência visual:

Morre pioneira da inclusão social de cegos
São Paulo - A professora Dorina de Gouvêa Nowill, uma das maiores ativistas pela inclusão dos deficientes visuais no País, morreu ontem (dia 29) aos 91 anos. Segundo informações de familiares, ela estava internada havia cerca de 15 dias no Hospital Santa Isabel, na zona oeste, para tratar uma infecção, mas acabou sofrendo parada cardíaca.

A professora ficou cega aos 17 anos por causa de uma doença que os médicos nunca conseguiram entender. Decidiu então dedicar a vida à luta pela inclusão de pessoas na mesma condição.

Com um grupo de amigas, criou em 1946 a Fundação para o Livro do Cego no Brasil, que em 1991 recebeu seu nome. Junto com o Instituto Benjamin Constant, no Rio de Janeiro, a Fundação Dorina Nowill Para Cegos foi uma das pioneiras na produção de livros em Braille, na distribuição gratuita dessas obras para deficientes visuais e no desenvolvimento de técnicas mais modernas para que o cego consiga ler - como livros falados e vozes sintetizadas no computador.

Está no UOL Notícias, com informações do jornal O Estado de S. Paulo.

26 de ago de 2010

O desespero

O vazamento de informações da Receita Federal de quatro pessoas do PSDB ou ligadas ao partidodeve relamente ser investigado.

Mas ninguém me tira da cabeça que isso tem cara de ser gente ligada ao próprio PSDB criando fatos para tentar desestabilizar a campanha de Dilma Roussef.

Ou alguém acha que dentro das instituições públicas só tem gente ligada ao PT?

9 de ago de 2010

AGRADECIMENTO (5)

Tenho ainda um agradecimento especial e muito importante.

Quero agradecer ao João Brito, sogro da minha filha, que tem me acompanhado nesta jornada de cirurgias e tem sido incansável sempre.

Muito obrigada, João.

6 de ago de 2010

AO RECOLHIMENTO

Bom, depois de tantos agradecimentos, recolho-me ao meu repouso para não forçar meu olho esquerdo que ainda está se recuperando. Apesar de estar vendo muito melhor... rs

AGRADECIMENTO (4)

Em especial ao Dr. Nobuaqui, pela atenção e tratamento. Ao meu amigo João, do Hospital de Olhos, e a toda a equipe. Pude ver o atendimento humanizado, não só comigo, mas com todos os pacientes que estavam a guardando. A demora foi grande como também é grande a demanda, mas em nenhum momento me senti esquecida ou relegada nem vi acontecer isso com os(as) outros(as) pacientes que lá estavam.

Tive uma grata surpresa com a qualidade do serviço prestado pelo Hospital de Olhos.

Agradeço também o atendimento das meninas do consultório do Dr. Nobuaqui que, mesmo sabendo que eu era paciente SUS, me atendiam com muita cordialidade e prontidão. Muitos dirão que isso é apenas obrigação. No entanto quem já trabalhou na saúde sabe que os tratamentos são diferentes.

AGRADECIMENTO(3)

Agradecimento especial à minha filha Raquel. Luz da minha vida e minha eterna companheira. Alguém que luta para me ver sempre bem.

E aos meus lindos Giancarlo e Luiz Henrique, luzes também da minha caminhada, que, mesmo tão distantes, se preocuparam tanto comigo nesse momento.

Aos meus lindos netos Enzo Enrique e Luiz Fernando que me têm feito querer viver mais e mais para vê-los crescer.

Não posso esquecer meu genro Bruno, que considero como filho, e minha nora Jaquelini, sempre preocupada comigo.

AGRADECIMENTO (2)

Aos poucos amigos(as) a quem contei o que estava acontecendo comigo, mas que me deram muita força: Luizão, Ariane, Denis, Tião, Sidnei (do PT), Araceli.

Agradecimento especial a Sonia Lenira (não preciso dizer o porquê - ela sabe) . Obrigada, Sonia.

Agradecimento também ao (Rei)naldo Zanardi...rsrs. Ele também sabe o porquê.

Desculpem se esqueci alguém.

AGRADECIMENTO (1)

Ao meu irmão Sidnei. Parceiro em todos os últimos importantes momentos de minha vida. Um anjo que me dá força e apoio. E que tem me feito enxergar muita coisa, mas que me auxiliou e tem auxiliado muito neste meu momento.

Obrigado a você por estar presente em miunha vida, mesmo estando tão distantes.

AFASTAMENTO

Dentre tantas coisas, descobri, a cerca de um mês, porque andava tão desanimada com a internet. Estava perdendo a visão graças a uma catarata que avançou rapidamente nos últimos quatro meses.

Quando descobri me afastei de vez e passei a procurar uma solução para o meu caso. Enfim me submeti a uma cirurgia no último dia quatro e recuperei a visão do olho esquerdo. Na próxima quarta-feira será o olho direito e poderei ver a vida com outros olhos.

A angústia já está passando porque estou conseguindo enxergar parcialmente, mas maravilhosamente.